Blog

Riscos da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) para sua empresa

  |   Blog Databras News

Riscos da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) para sua empresa

Em geral, empresas de médio e grande porte utilizam um sistema de CRM para administrar os dados de seus clientes e colaboradores, do nome ao aniversário. A partir de 16 de agosto do ano que vem, a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), com o intuito de atentar empresas há protegerem mais os dados dos consumidores e colaboradores, para que não haja vazamentos ou invasão de hackers no sistema.

Após o decreto entrar em vigor, a organização que infringirem a Lei Geral de Proteção de Dados (dependendo da infração) receberam multas de até 2% do faturamento, limitada, no total, a R$ 50.000.000,00.

Para empresas que não estão totalmente dentro dos padrões de seguranças exigidos pela nova lei, separamos algumas dicas antes de tudo:

1 – Organize quais segmentos da sua empresa utilizam dados importantes
Seja qual for os dados cadastrados no CRM, investir em uma proteção de dados é primordial para a segurança de sua empresa, evitando possíveis desastres. Treine seus funcionários para que os mesmos saibam lidar com as novas políticas anti-vazamentos e anti-hackers.

2- Analisar e gerenciar suas políticas de segurança
Faça uma analise das políticas de segurança de dados dentro da sua empresa, os dados da companhia são eventualmente dentro do backup em nuvem? como a empresa lida com vazamento de dados? usa algum software de proteção? a partir destas questões, você pode se perguntar se sua empresa está devidamente segura.

3 – Contrate um profissional especializado para proteção de dados
Contrate profissionais encarregados na proteção de dados – DPO (Data Protection Officer), ele irá monitorar e instruir funcionários há lidarem com a proteção de dados, para que todos saibam o que fazer para proteger e manter sigilo nos dados.

Para saber mais sobre a Lei Geral de Proteção de Dados(LGPD), clique aqui.