Blog

Revista Portos e Navios realizará seminário sobre indústria naval e offshore

  |   Databras News

Imagem: divulgação Revista Portos e Navios



A Revista Portos e Navios realizará o seminário Cenários da Indústria Naval e Offshore. O evento marca o lançamento da Marintec/ Navalshore 2020 e reunirá entidades e especialistas para debater o futuro da construção naval e indústria offshore no país.

O evento acontecerá no sofisticado centro de convenções da Zona Portuária, o RB1, localizado na Av. Rio Branco, 1. No dia 14 de agosto, às 8h. Com patronício da Kincaid Mendes Vianna Advogados e Mattos Filho Advogados. Será dividido em cinco painéis, sendo o tema de abertura sobre as “Perspectiva de construção de meios navais na Marinha do Brasil”, os investimentos na renovação da frota e a criação de um “cluster marítimo”.

O segundo painel será com o tema “Indústria marítima – desafios para adequação à IMO 2020”, aproveitando que em 01/01/2020, entra em vigor a norma da Organização Marítima Internacional (IMO) que determina a redução das emissões de óxido de carbono em combustíveis marítimos para 0,5%. O debate trará as opções tecnológicas e as melhores estratégias de investimento relacionadas à frota atual e futura.

O terceiro painel abordará “Desafios para o pleno desenvolvimento da cabotagem”, onde serão analisadas as iminente edição de Medida Provisória com mudanças no marco legal do setor pelo Governo Federal, prevista para ser publicada até o final de julho, assim como o desenvolvimento do modal.

O quarto painel discutirá sobre as “Oportunidades na logística de distribuição de GNL”, visto que o assunto vem despertando o interesse de investidores, que apostam na expansão do consumo do gás natural liquefeito no país. Assunto em pauta por importadores, petroleiras e empresas distribuidoras. A logística para a entrega do GNL demandará investimentos em terminais e transporte marítimo, com boas perspectivas para a indústria naval.

E finalizando os painéis, o tema será “Oportunidades na logística de distribuição de GNL”. Com a evolução da exploração do pré-sal, em consequência dos leilões da ANP e entrada em cena de novos operadores além da Petrobras, a previsão é que já a partir de 2020 tenha início uma nova fase de mobilização dos barcos de apoio offshore. Os especialistas debaterão o cenário e as possibilidades de contratação de construção de novas unidades.

Para mais informações do evento, entre em contato com o organizador através do e-mail eventos@portosenavios.com.br.